O internacional moçambicano rubricou novo contrato com o Maior das Ilhas, válido por mais dois anos.

Zainadine Júnior chegou ao Club Sport Marítimo na época 2016/2017. Por empréstimo do clube chinês Tianjin Teda, o central moçambicano cedo reivindicou primazia entre os eleitos dos treinadores que assumiram o leme do Marítimo. Indiscutível para todos os técnicos, a superior qualidade de Zainadine também se reflectiu no estatuto que conquistou no balneário e fora dele. Um dos jogadores mais acarinhados pelo Caldeirão, Zainadine é o sub-capitão de equipa.  

Após uma época e meia no Maior das Ilhas por empréstimo do conjunto asiático, o Marítimo obteve os direitos desportivos do internacional moçambicano em Janeiro de 2019. Neste momento, o camisola 3 do Marítimo é o 7º jogador com mais minutos pelos verde-rubros em jogos a contar para a I Liga. Frente ao Tondela, Zainadine superou os minutos disputados por uma lenda viva dos endiabrados campeões das ilhas: Alex Bunbury, o canadiano que está nos corações de todos os Maritimistas, melhor marcador do Marítimo no patamar máximo do futebol nacional.

Agora, Zainadine está no encalce de outra glória do Leão insular: Bruno Fernandes. O antigo capitão contabilizou, em jogos da I Liga, 14 272 minutos. A quatro jogos de terminar o campeonato, o que equivale a 360 minutos, Zainadine Júnior necessita de mais 208 minutos para ultrapassar Bruno Fernandes e isolar-se no 6º lugar entre os jogadores que mais tempo batalharam pelo Marítimo nas arenas da I Liga. Na liderança, Carlos Jorge, mítico capitão que deu ao Leão do Almirante Reis 24 123 minutos de rugidos.

Ontem, durante a tarde, Zainadine renovou contrato com o Marítimo até 2024. Continuamos juntos nesta bela caminhada.

Obrigado por tudo o que já nos deste, Zainadine. Obrigado, jogando na antecipação como tu bem fazes, por tudo o que continuarás a dar ao Marítimo e aos Maritimistas.