À 10.ª jornada da Liga Revelação, Marítimo e Estoril empataram a três bolas, num jogo disputada no Estádio de Machico.

Num jogo equilibrado, bem disputado e cheio de golos, as duas equipas cimeiras da tabela classficativa da zona sul da Liga Revelação, mediram forças.

E foi a equipa da casa a abrir as hostilidades do encontro quando, o ganês Johnson, encontrou o caminho da baliza estorilista, após um bom remate tenso e colocado.

Os maritimistas não demoraram muito para aumentar a vantagem, desta feita, por intermédio de Jefferson. O avançado brasileiro, já dentro de área, leva a melhor sobre um defesa e, de seguida, o guarda-redes adversário.

Antes de sair para o descanso, o Estoril deixa o jogo em aberto, ao reduzir a desvantagem no marcador.

No começo da etapa complementar, a equipa adversária inicia da mesma maneira que acabou o primeiro tempo, ou seja, com um golo, a estabelecer o empate.

O conjunto verde-rubro respondeu da melhor maneira com o terceiro golo e o segundo do avançado brasileiro Jefferson, que rematou para o fundo da baliza após um cruzamento atrasado de Johnson.

Só que as contas do jogo não estavam fechadas e a equipa canarinha chegou ao empate através de uma falha da defensiva verde-rubra.

Com este resultado, o Marítimo mantém o 2.º posto na tabela classificativa, totalizando 15 pontos.

Ficha de Jogo

Onze inicial: Pedro Teixeira (GR), Johnson Owusu, Miguel Rosário, Aloísio Neto, Nassur (Johnnys Guerrero, 45′), Miguel Sousa (Stanley Kanu, 61′), Sadiq, Diego Moreno, Úmaro Baldé (Aires Sousa, 74′), Marcelo Marcelo Marques e Jefferson (Rodrigo Piloto, 74′)

Suplentes não utilizados: Tiago Teixeira (GR), André Cardoso, Paulo Afonso, Vilson, Gonçalo Medeiros, Francisco França e Emanuel Baitler

Disciplina: Cartão amarelo mostrado a Jefferson e Johnnys Guerrero

Golos: 1-0 (Johnson, 13′), 2-0 (Jefferson, 27′) e 3-2 (Jefferson, 58′)