Hoje assinala-se o dia das Fundações e dos doadores. Como tal, a Fundação Marítimo Centenário quis associar-se à campanha “Papel por Alimentos” – uma ação promovida pela Federação Portuguesa dos Bancos Alimentares. Neste caso, todo o papel recolhido é convertido em produtos alimentares a distribuir pelos mais carenciados.

Neste sentido, a Fundação Marítimo Centenário esteve aliada com a Associação de Desenvolvimento de Santo António e Outras (ASA), com o intuito de recolher o máximo de papel inutilizável para que, futuramente, se possa trocá-lo por bens alimentares.

O projeto ASA está sediado no bairro da Ribeira Grande e tem como missão trabalhar com toda a população da Freguesia de Santo António, com especial ênfase, a população do referido bairro.

Este visa promover a inclusão social de crianças, jovens e famílias provenientes de contextos socioeconómicos mais vulneráveis, tendo em vista a igualdade de oportunidades e o reforço da coesão social. Desta forma, pretende contribuir para a capacitação de crianças e jovens, através de atividades que promovem o sucesso educativo, a empregabilidade e o empreendedorismo, fomentando assim a Inclusão social e digital.  

Os alunos do Colégio do Marítimo também estiveram presentes nesta causa, dando o seu importante contributo na recolha do papel.